O bico do Martim-Pescador

Viajando a aproximadamente 300 quilômetros por hora, o trem-bala japonês é um dos mais rápidos do mundo. Em parte, seu sucesso se deve a um pequeno pássaro — o martim-pescador. Por quê?

Analise o seguinte: Em busca de uma refeição saborosa, o martim-pescador consegue mergulhar sem espirrar muita água. Isso intrigou Eiji Nakatsu, um engenheiro que conduziu os testes do trem-bala. Ele se perguntou como o martim-pescador se adapta com tanta rapidez à transição da baixa resistência do ar para a alta resistência da água. A resposta foi fundamental para resolver um problema peculiar do trem-bala. “Quando o trem entra num túnel estreito em alta velocidade”, explica Nakatsu, “isso produz ondas de pressão atmosférica que aos poucos se tornam parecidas a um tsunami. Elas chegam à saída do túnel à velocidade do som, criando ondas de baixa frequência que produzem um estrondo enorme e uma vibração aerodinâmica tão intensa que pessoas que moram a 400 metros registraram queixa”.

Decidiu-se copiar o bico do martim-pescador ao projetar a frente do trem-bala. O resultado? O trem-bala agora viaja 10% mais rápido e consome 15% menos energia. Além disso, a pressão do ar produzida pelo trem foi reduzida em 30%. Assim, quando o trem atravessa um túnel não produz um grande estrondo.

O que você acha? Será que o bico do martim-pescador surgiu por acaso? Ou teve um projeto?

FONTE:https://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102010132#h=1:0-8:74

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização