𝐎 𝐟𝐫𝐮𝐭𝐨 𝐝𝐚 𝙋𝒐𝒍𝒍𝒊𝒂 𝐞 𝐬𝐞𝐮 𝐚𝐳𝐮𝐥 𝐢𝐦𝐩𝐫𝐞𝐬𝐬𝐢𝐨𝐧𝐚𝐧𝐭𝐞

O pequeno fruto da planta Pollia condensata, encontrada na África, possui o tom de azul mais brilhante que já se viu numa planta. Mas, por incrível que pareça, o fruto da Pollia não possui nenhum pigmento azul. Então, qual é o segredo por trás dessa cor tão impressionante?

Analise o seguinte: A parede das células da casca desse fruto contém pequenos fios organizados como fósforos numa caixinha. Esses fios formam camadas, e cada camada fica numa posição diferente. Isso cria um padrão em formato espiral. Mas os fios não são azuis. O segredo para o fruto da Pollia ter essa cor azul brilhante, com um tom metálico que reflete várias cores, é a forma como suas camadas estão empilhadas. A maioria das células parecem ser azuis.

Mas, dependendo do ângulo que olhamos, elas podem ter um tom verde, rosa ou amarelo. Isso acontece por causa da forma como as camadas de fios estão organizadas. Além disso, se analisarmos mais de perto o fruto da Pollia, veremos que as cores não ficam muito uniformes.

É mais ou menos o que acontece quando olhamos de perto a tela de um computador: as cores ficam separadas como se fossem pontilhados.

Como o fruto da Pollia não possui pigmento, ele continua com a cor bem viva mesmo depois de cair da planta. Alguns frutos colhidos há mais de cem anos continuam bem brilhosos!

O fruto da Pollia só possui sementes e 𝐧ã𝐨 é 𝐜𝐨𝐦𝐞𝐬𝐭í𝐯𝐞𝐥. Ainda assim, segundo pesquisadores, a cor dele chama muita atenção das aves.

Cientistas acreditam que o fruto da Pollia pode ajudar na invenção de novos produtos, como corantes que não desbotam ou papéis que não podem ser falsificados.


O que você acha? Será que o impressionante azul do fruto da Pollia é resultado da evolução? Ou teve um projeto?


FONTE: https://www.jw.org/pt/biblioteca/revistas/despertai-n4-agosto-2017/fruto-pollia-azul-impressionante/

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização